[Resenha] Os Meyerowitz: Família Não Se Escolhe

imagem: Cine + Crítica
Filme: Os Meyerowitz: Família Não Se Escolhe
Ano: 2017
Duração: 1h 53min
Gênero: Drama, Comédia
Elenco: Adam Sandler, Ben Stiller, Elizabeth Marvel, Dustin Hoffman, Emma Thompson, Grace Van Patten, Adam Driver, Candice Bergen, entre outros.
Direção: Noah Baumbach
Nacionalidade: EUA

Sinopse: Nova York. Harold Meyerowitz (Dustin Hoffman) é o patriarca da família, casado com Maureen (Emma Thompson) e pai de Matthew (Ben Stiller), Danny (Adam Sandler) e Jean (Elizabeth Marvel). Escultor aposentado e extremamente vaidoso, ele fica satisfeito ao saber que está sendo organizado uma exposição para celebrar seu trabalho artístico. Só que, em meio aos preparativos, Harold adoece e faz com que todos os filhos precisem se unir para ajudá-lo a se recuperar, o que resulta em várias situações que colocam a limpo traumas do passado.

imagem: Luiz Andreoli

Opinião: Os Meyerowitz formam uma família pouco convencional, com Harold, um pai artista, Danny, um filho músico que nunca realmente trabalhou na vida para se dedicar à criação da filha, Jean, uma irmã que é pouco lembrada e o terceiro irmão, Matthew, que é um empresário de sucesso, motivo pelo qual o pai o crítica muito, já que não desenvolveu nenhum dom artístico. 

Harold criou seus filhos de forma diferente, teve vários casamentos e deu a devida atenção somente para Matthew, deixando Danny e Jean sempre de lado, isso acaba gerando uma mágoa entre os três irmãos.

O que une os três é uma exposição que o pai vai participar, e também a doença que o atinge antes da exposição. O filme tem um ritmo bem diferente, a duração de uma hora e cinquenta e três minutos acaba se tornando cansativa, acredito que no máximo uma hora e meia seria o suficiente.

imagem: CinePipocaCult

Quando comecei a assistir o filme e pela sinopse, pensei que seria uma comédia, mas o drama é bem mais presente na narrativa, o relacionamento da família não é bom, e percebemos isso nos diálogos, onde eles ficam se interrompendo e mal escutam o que o outro tem para dizer.

Mas ao longo do filme percebemos que eles são como qualquer família, que apesar das desavenças sempre se unem quando necessário e se amam, do jeito deles. Essa foi uma agradável surpresa que encontrei na Netflix e um trabalho diferente do que Adam Sandler e Ben Stiller costumam fazer.

Confira o trailer:

 

Comentários

  1. Parece interessante!

    Bjokas da Vaci :*
    https://blogpapodeesmalte.blogspot.com.br

    ResponderExcluir
  2. Aparentemente esse filme parece ter um ritmo lento, monótomo. Mas, com grandes reflexões sobre família, magoa e perdão. Bom saber que tem na netflix.
    Beijo, www.apenasleiteepimenta.com.br

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Não chega a ser monótono Leslie, mas realmente traz grandes reflexões.

      Excluir
  3. Interessante! Não sou muito fã do Adam, mas deve ser interessante ver ele fazendo outro tipo de personagem, né? Fiquei curiosa, mas pena que o filme é tão longo e cansativo :/
    Um beijão,
    Gabs | likegabs.blogspot.com ❥

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Eu não sou muito fã dele também Gabs, e me surpreendi bastante com sua atuação!

      Excluir
  4. Ainda não conhecia, perece ser interessante!

    http://submersa-em-palavras.blogspot.com.br/

    ResponderExcluir

Postar um comentário

Postagens mais visitadas